Em 28/01/2020 às 12h03

Gol contra o Cano mostra força da dupla Künzel e Tiago Corrêa no America

Dupla se aproxima de marca centenária pelo Mecão, onde estão desde 2017


Autor: Renan Mafra / Fotos: Márcio Menezes (America Rio)

No último sábado (25), o America goleou o Americano por 4 a 0, mas o terceiro gol chamou muito a atenção da torcida americana e dos dois protagonistas do gol. Tiago Corrêa cobrou escanteio e Anderson Künzel marcou de cabeça. Essa parceria já está no seu quinto ano e começou justamente no rival do último jogo, no Alvinegro Campista.

image

Porém, em 2017, a dupla começou a sua história no America. Desde então, conquistaram o título da Série B1 do Campeonato Carioca em 2018 e conseguiram três acessos. Anderson Künzel fez questão de ressaltar que a parceria não se limita as quatro linhas e aproveitou para agradecer ao amigo o cruzamento para o gol do último sábado.

- É uma parceria incrível dentro e fora de campo, trocamos muitas ideias e tentamos sempre fazer o melhor, são muitos anos no mesmo clube e não é por acaso, temos nossa qualidade. Sobre o gol que eu fiz, isso é uma coisa que a gente brinca. Ele sempre me acha na área nos treinos, apesar de não ser uma coisa combinada, tanto que ele deu outra assistência e eu já estava ali pertinho também. Ele, como sempre, foi muito bem e tenho que agradecer pelo belo cruzamento - afirmou, o agora capitão americano, que teve o carinho retribuído por Tiago Corrêa.

- É muito bom poder estar esses cinco anos juntos, o Anderson é como um irmão para mim. Dentro de campo agente sempre se entendeu muito bem. E o melhor é que são cinco anos vitoriosos, sempre com conquistas. E o América ganha muito com dois caras muito comprometidos com o clube, que estão sempre buscando o melhor - disse o jogador.

Disputa para chegar ao 100º jogo não vira rivalidade 

Porém, se são amigos dentro e fora de campo, Anderson Künzel e Tiago Corrêa tem uma disputa entre eles dentro do America. A de quem chegará primeiro aos 100 jogos pelo clube. A vantagem é de Künzel, que soma 88 jogos, contra 80 de Corrêa. E os números poderiam ser maiores. Em 2017, Anderson Künzel sofreu uma fratura no rosto no começo da Série B1 e ficou quase dois meses longe dos gramados. Período idêntico ao que Tiago Corrêa não pode jogar na reta final da temporada passada, por causa de uma fratura no tornozelo.

Entretanto, a amizade da dupla é tão grande que a disputa para ver que chega primeiro aos 100 jogos pelo America não é comentada na resenha entre eles. O foco é sempre em poder ajudar o Mecão da melhor maneira possível, não só dentro, mas também fora das quatro linhas.

image

- Quem vence essa disputa eu não sei, mas é notório que a gente faz um bom trabalho no América. Ninguém fica por tanto tempo em um clube grande como o America se não tiver fazendo um bom trabalho. E o mais legal é o respeito e admiração que funcionários e alguns torcedores tem pela gente, principalmente por ver os dois sempre tentando dar o melhor pelo clube - frisou Tiago Corrêa, que além dos 80 jogos, marcou três gols pelo Mecão.

- Essa é a disputa que menos importa e nem entra nas nossas conversas ou pensamentos. Na verdade, nós temos o mesmo objetivo que é ajudar no que for possível o America e com consequência nós também iremos crescer juntos - destacou Künzel, com 88 partidas e 13 gols pelo clube rubro.

Polivalência é outra característica comum da dupla 

Se existe uma disputa no número de jogos, uma coincidência toma conta da dupla: a polivalência. Os dois já atuaram no America de lateral, Künzel da direita e Corrêa na esquerda, volante, meia e ponta. Tiago Corrêa ressaltou que esse fato mostra que ambos não têm vaidade e a prioridade é sempre ajudar o clube.

- Isso mostra o desejo de sempre estar ajudando. É claro que temos uma posição que é a de preferência que é a de volante, mas a gente sabe fazer outras funções e bem. Então o objetivo é sempre querer o melhor para equipe. O time indo bem fica melhor para todos - comentou.

Por fim, Anderson Künzel lembrou que na goleada contra o Americano, houve uma mudança de posicionamento de ambos após uma conversa no intervalo, mostrando como os dois tem a facilidade de atuar em mais de uma função, as vezes dentro de uma própria partida.

- No último jogo mesmo, no intervalo, conversamos com o Gaia e trocamos a posição. Tivemos uma melhora bem satisfatória. Isso é muito importante - finalizou.

O America volta a campo no dia 5 de fevereiro, quando receberá o Nova Iguaçu no Estádio Giulite Coutinho, ás 15h. O Placar FutRio transmite o jogo em tempo real.

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por