Em 17/07/2019 às 22h02

Jaime pega pênalti e revela estudo sobre batedor: "Vi o canto de confiança"

Defesa impediu que Duque de Caxias tivesse vantagem reduzida contra Itaboraí


Autor: Redação FutRio / Foto: Gabriel Farias (FutRio)

O ataque funcionou bem na vitória do Duque de Caxias por 3 a 0 sobre o Itaboraí, mas um integrante da defesa também teve papel fundamental na construção do resultado positivo. O goleiro Jaime defendeu cobrança de pênalti executada por Rodriguinho quando os caxienses tinham dois gols de vantagem no placar. Pegar a batida, entretanto, foi o resultado de um estudo prévio realizado.

- Temos nosso método de poder identificar o batedor. Eu estudei, já que ele fez um gol de pênalti contra o Campos. Vi que o canto de confiança era aquele. Fico feliz de poder acertar o canto e ter feito uma defesa crucial dentro da partida. Graças a Deus saímos com os três pontos e vamos para a última rodada pensando em se classificar.

VEJA TAMBÉM:
Seleção FutRio Série B1: Duque e São Gonçalo são os destaques da rodada
Ataque funciona de novo e Duque cresce no ritmo de Léo Guerreiro e Veiga


Após oscilar nos jogos iniciais da Série B1, o Duque de Caxias chega na última rodada vivendo o auge dentro da competição. São duas vitórias seguidas e quatro jogos de invencibilidade. A defesa, jundo a do Bonsucesso, é a menos vazada da Segundona e Jaime ressalta o bom encaixe entre as peças do setor.

- Temos um entendimento. Nunca tinha jogado com o Dilsinho e o Allan Miguel (dupla de zaga). Tem também o Zé Carlos, que é um cara que está no banco e eu possuo uma identificação maior, já que jogamos juntos uma Série B de Brasileiro aqui no Duque. Tem sido um casamento que está dando certo. Junto com o Bonsucesso somos as melhores defesas do campeonato. Somos a melhor defesa num campeonato como a Série B do Rio, que é disputadíssima, um campeonato de muita cobrança. Estamos sabendo lidar. Um erra, o outro cobre, todos se cobrando. Graças a Deus está surtindo efeito.

Pressão positiva

Até que os bons resultados se acumulassem, o Duque de Caxias passou por um período de forte cobrança interna, conforme revela Jaime. Com um dos elencos mais bem cotados ao acesso, os tropeços iniciais na Série B1 vinham causando um incômodo geral no elenco.

- Estamos numa pressão normal. Com o time que a gente tem, estávamos numa pressão que estava incomodando todo mundo. Conseguimos equilibrar. Vamos pegar o Bonsucesso e vai ser um jogo bem jogado. Temos que fazer valer nosso fator campo que vai ser primordial. Vamos ver o que nos aguarda nessa última rodada.

Para avançar às semifinais da Taça Santos Dumont, o Duque de Caxias precisa vencer o Bonsucesso e torcer por mais dois resultados: empate entre Campos e Friburguense, e tropeço do Serra Macaense contra o Barra da Tijuca. A rodada final acontece no sábado (20), com todos os jogos às 15h. O Placar FutRio acompanha.

Tags: Jaime, Duque de Caxias, Carioca Série B1

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por