Em 30/06/2019 às 20h18

Sebastião Rocha cita cenário adverso encontrado pelo Angra em Nilópolis

"Existe futebol e existe o jogo aqui", disse o treinador do Tubarão


Autor: Redação FutRio / Foto: Cláudio Burger (FutRio)

O Angra dos Reis não conseguiu embalar o segundo resultado positivo seguido na Série B1 do Campeonato Carioca. No último sábado (29), no Estádio Joaquim Flores, foi derrotado pelo Nova Cidade. Atuar em Nilópolis, segundo o treinador Sebastião Rocha, gerou uma série de dificuldades para seu time, conforme explica.

- Faltou tranquilidade. Tivemos o jogo por muito tempo controlado, mas a perda do pênalti (logo aos dois minutos) foi marcante para o desenvolvimento da partida. Logo em seguida perdemos um gol também. Aqui é muito complicado para jogar, o adversário tem uma jogada só e já sabíamos disso. Trabalhamos em cima disso, mas aqui é um jogo bastante diferente. Existe futebol e existe o jogo aqui - disse.

Perguntado sobre a pressão de conviver com a parte baixa da tabela, Sebastião Rocha não negou que a pressão é maior. Ainda assim, aposta em crescimento do Angra na sequência da Segundona Estadual.

- Não podemos nos enganar com isso. Quando você está lá embaixo, cada jogo é muito duro, muito impactante. Dentro ou fora, você tem que fazer ponto. A nossa armação toda de equipe foi muito atrasada, em termos de formação do grupo. Estão chegando mais três jogadores para encorpar, mas não podemos ficar muito afastados, nem deixar de pontuar. Mas eu acho que vai mudar. O Angra vai mudar, vai para outro patamar e estamos trabalhando para isso.

O próximo desafio do Angra dos Reis será no sábado (6), às 15h, no Estádio Jair Toscano, onde receberá o Sampaio Corrêa. O Placar FutRio acompanha.

Tags: Angra dos Reis, Carioca Série B1, Sebastião Rocha

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por