Em 30/06/2019 às 20h18

Robélio Cavalinho critica arbitragem por gol anulado: "Foi vergonhoso"

Laranja Meritiense é o quinto colocado do Grupo A, onde soma oito pontos


Autor: Redação FutRio / Foto: Vitor Melo (FutRio)

O Audax perdia para o Artsul por 1 a 0 e se complicava de vez no primeiro turno da Série B1. Até que aos 36 minutos, a substituição de Robélio Cavalinho surtiu efeito: Maikon Aquino, que começou a partida no banco, desencantou e concedeu o empate aos Laranjas. E foi ele quem fez o gol da virada. Porém, o árbitro acabou assinalando o impedimento, anulando o que seria o tento da vitória.

Inconformado com a decisão da arbitragem, o treinador do time meritiense não deixou o fato passar em branco e disparou críticas ao trio comandado por Bruno Mota Correia.

- A gente tem que ter tranquilidade nesse momento, pois não sabemos até aonde o árbitro foi por maldade, ou por inocência. Como a minha equipe é jovem, talvez eles (arbitragem) também sejam jovens. A gente critica, mas também tem que dar moral para a arbitragem - afirma o comandante, que continua:

- Eu não gosto de falar de arbitragem, pois acho que eles estão fazendo o trabalho deles e eu preciso fazer o meu. Mas ontem, infelizmente, ficamos muito chateados, foi vergonhoso. Se você pegar o vídeo vai ver que o Samoel Pizzi está na linha de fundo, em cima da risca da grande área, veio de trás e o Aquino fez o gol. No meu ver foi ridículo - dispara. O treinador finalizou o assunto frisando o merecimento da vitória pelo bom segundo tempo.

- Agora é vida que segue, temos que seguir trabalhando no cameponato, tomara que isso não venha acontecer novamente. Eu gosto de dar moral para a arbitragem, mas infelizmente ficamos muito chateados, pois merecíamos os três pontos pelo segundo tempo que a gente fez - completa.

Equipe imatura ganha consistência e entra no caminho certo

Com o resultado do último sábado (29), o Audax chegou ao quarto jogo sem vencer, acumulando o segundo empate na Taça Santos Dumont. A falta de resultados positivos vem sendo destacada pelo próprio treinador, que afirma a consequência da falta de maturidade de um elenco jovem. 

- Os jogadores estão começando a crescer dentro da competição, estão maturando, ficando um pouco mais espertos. Os que vinham pecando, já estão melhorando bem e já temos um pessoal mais experiente, que é o Luis, o Helton que já é de mais idade. Então, estamos trabalhando a cabeça dos meninos. Porém, colocando alguns atletas mais experientes para dar consistência. Graças a Deus, estamos no caminho, vamos esperar para o próximo jogo buscar os tês pontos - finaliza. 

Na sequência da Segundona, o Audax recebe o Nova Cidade, no próximo sábado (06), em Moça Bonita, às 10h. O Placar FutRio acompanha.

Tags: Audax, Robélio Cavalinho

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por