Em 01/05/2019 às 19 h16

Com desejo de fazer história pela ADI, Luis Henrique projeta disputa da Série D

Goleiro será um dos líderes do elenco em uma temporada especial para a Águia


Autor: Redação FutRio / Foto: Jhonathan Jeferson (FutRio)

O Itaboraí agitou o mercado do futebol carioca nas últimas semanas visando reforçar o elenco para a disputa da primeira competição nacional de sua história: a Série D do Campeonato Brasileiro. Um dos principais reforços foi o goleiro Luis Henrique, que nas últimas temporadas defendeu o Americano, por onde conquistou o título da Copa Rio, foi vice-campeão da B1 e disputou competições nacionais.

Prestes a completar 40 anos, o experiente goleiro revelou o que foi crucial para a escolha de defender o Itaboraí pelo restante da temporada e garantiu estar motivado e esperançoso para realizar uma boa campanha pela Águia na Série D do Brasileirão.

- Foi um ano (2018) muito bom no Americano, onde conseguimos conquistar os objetivos do clube. Mas agora recebi a proposta do Itaboraí e confesso que a montagem do elenco me deixou muito confiante. O Soriano (Rafael, treinador), o Roy (Antônio Carlos, coordenador técnico), o  Márcio (Bittencourt, gerente de futebol) são pessoas em que confio. Jogadores que estão sendo contratados também. O que foi passado para nós (atletas) nos deixou esperançosos em fazer uma boa campanha - disse o arqueiro.

Conhecedor do quarto nível nacional, Luis Henrique ressaltou a dificuldade da competição e fez um alerta mediante aos jogos em que o Itaboraí for mandante, para que a equipe procure vencer as partidas e busque conquistar pontos fora, deixando a classificação para a fase de mata-mata encaminhada.

- A Série D é um campeonato muito difícil. No ano passado, pelo Americano, tivemos um aproveitamento muito grande, a gente cresceu muito com a primeira fase da competição. Não podemos perder em casa. Na temporada passada, tivemos uma derrota assim que acabou complicando a gente. Então o Itaboraí vai tentar ser forte em casa. Às vezes, o empate pode parecer ruim, mas às vezes não é. Não podemos perder em casa e temos que buscar alguns pontos fora. Essa é a diferença. Vamos começar conciliando com a Série B1 (do Campeonato Carioca), mas o grupo está bom e tem peças para reposição - projetou.

Nos últimos anos, o Itaboraí vem montando bons elencos e lutando por acessos e taças, porém, sem sucesso. Luis deixou claro que isso é uma motivação para ele e os companheiros, que desejam fazer história pelo clube do Leste Fluminense através de feitos inéditos.

- O Itaboraí está batendo na trave faz tempo. Monta grupos bons, mas não tem conseguido. Confesso que eu até comentei com alguns amigos. Perguntei para a diretoria se eles já tinham conquistado o acesso e disputado a primeira divisão. Eles disseram que não. Isso me motivou muito. Passei para o elenco que todo mundo está tendo a oportunidade, que muitos tentaram e não conseguiram, que é colocar o Itaboraí na elite pela primeira vez. Vamos tentar usar isso como motivação e fazer história no clube - concluiu.

No Grupo A14 da Série D, o Itaboraí estreia no domingo (5), no Alzirão, contra o Novorizontino (SP), às 15h. A Rádio FutRio transmite ao vivo.

Tags: Luis Henrique, Itaboraí

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por