Em 11/01/2019 às 18 h00

Resende demonstra frieza na hora decisiva e chega confiante para jogo final

Equipe controla emocional após nuances no jogo contra Nova Iguaçu


Autor: Redação FutRio / Foto: Marcos Faria

O Resende chega vivo na rodada final da Seletiva do Campeonato Carioca muito por conta do controle emocional demonstrado pela equipe no confronto com o Nova Iguaçu, vencido de virada, por 2 a 1, pela equipe do Sul Fluminense. Depois de lances contestados da arbitragem e até um pênalti perdido, o time de Edson Souza mostrou frieza no momento derradeiro e agora decide em casa a vaga na fase principal do Estadual.

image

VEJA MAIS:
> Pênalti perdido pelo Resende gera debate sobre cobradores oficiais do time
> "Lei do ex" é implacável, Zambi marca contra Nova Iguaçu e constrói virada

No confronto com o Nova Iguaçu, a equipe poderia ter se perdido no jogo após a não marcação de uma falta polêmica sofrida pelo atacante Zambi, que gerou, no lance seguinte, o pênalti convertido pelo adversário. O técnico Edson Souza comentou sobre o bate-papo no intervalo que trouxe lucidez para o elenco que conseguiu a reviravolta na etapa complementar.

- "Não adianta ficar debatendo, reclamando porque não vai voltar. Pega isso, usa como incentivo, como uma motivação a mais, para mostramos a ele que ele errou e nós vamos passar por cima disso". Foi o que eles fizeram. Foi isso que falei para eles - revelou, ainda completando sobre o erro do árbitro Luís Antônio Silva dos Santos.

- Você imagina em uma competição dessas, você está decidindo, você refazer isso no vestiário. A gente trabalhou direitinho. Os garotos deram uma linda respostas. Um jogo bem disputado, porque o Nova Iguaçu valorizou muito - comentou.

Insistência na bola parada, ponto fraco do último adversário

A bola parada defensiva do Nova Iguaçu já tinha sido foco dos adversários e o Resende explorou a deficiência no confronto da última quarta-feira (10). O técnico Edson Souza revelou que não precisou de um estudo profundo e muitos treinamentos para conseguir êxito com a jogada.

- Não precisei estudar a situação da bola parada porque era nítido. Toda hora estava lá no FutRio. Era uma deficiência que estava clara para todos. Então vamos explorar porque eu já estive ali dentro, sou treinador e sei como funciona. Quando você martela muita coisa, o jogador acaba sentindo e parece que atrai - afirmou.

O Resende decide a classificação com o Americano, no domingo, dia 13 de janeiro, às 16h, no Estádio do Trabalhador. O confronto terá cobertura em tempo real do Placar FutRio.

Tags: Resnde. Edson Souza;

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por