Em 23/05/2018 às 17 h33

No derby caxiense, Tigres e Duque empatam em jogo eletrizante: 1 a 1

Resultado mantém as duas equipes sem vitórias na Taça Santos Dumont


Autor: Vitor Costa / Foto: Vitor Costa (FutRio)

Tigres e Duque de Caxias fizeram um grande jogo na tarde desta quarta-feira (23), no Estádio de Los Larios, em Xerém, pela segunda rodada da Taça Santos Dumont. O jogo, no entanto, terminou sem vencedor: 1 a 1, gols de Gabriel, para a Fera da Baixada, e Esquerdinha, para o Tricolor. Desta forma, ambos seguem sem triunfos na Série B1 do Campeonato Estadual - o time de Mário Júnior, no entanto, soma dois pontos, já que também empatou na estreia, enquanto os comandados de Júlio Marinho foram derrotados.

As duas equipes voltam a campo no próximo sábado (26): o Tigres visita o Itaboraí, no Alzirão, enquanto o Duque de Caxias recebe o Friburguense, no Marrentão. Ambos os jogos acontecem às 15h, com cobertura em tempo real do Placar FutRio.

Jogo truncado no primeiro tempo

Os primeiros minutos foram de tensão dos dois lados. Cercados pela rivalidade local, Tigres e Duque tentaram superar também o nervosismo do começo da partida e do campeonato, mas sem sucesso. O Tricolor da Baixada acabou ligeiramente melhor, especialmente no terço final da primeira etapa, criando a melhor chance: aos 39 minutos, em contra-ataque puxado pela esquerda, Bruninho chutou forte e exigiu a primeira boa defesa de Léo Flores no jogo.

Já no segundo tempo, a postura do Tigres mudou e os 20 minutos iniciais da etapa foram de amplo domínio territorial da Fera da Baixada. Logo no primeiro lance, em jogada aérea confusa, Léo Fortunato desviou na pequena área e Jaime fez linda defesa. No contra-ataque da mesma jogada, Esquerdinha viu Bruninho completamente livre na ponta esquerda. O jogador, no entanto, parou em Léo Flores, que realizou grande intervenção e evitou a abertura do placar.

Movimentação cresce e gols saem

Veio a parada técnica e com ela os ajustes finais dos dois lados. Os gols, que já vinham amadurecendo, finalmente saíram. Aos 20, Diego Sales lançou pelo alto, Gabriel levou a melhor sobre a defesa e, de frente para Jaime, deu um leve toque por cobertura para colocar os donos da casa na frente. Logo em seguida, veio a resposta do Duque: cruzamento da direita e Russo testou firme. A bola explodiu no travessão e tocou em cima da linha mas, segundo a arbitragem, não entrou.

Atrás no placar, o Duque se lançou ao ataque e foi premiado com o gol aos 28 minutos. Depois de cobrança de lateral para a área, a bola sobrou no alto para Esquerdinha que, sem deixar a bola cair, acertou um belo chute em um "sem pulo", de pé direito, empatando o jogo. O Tricolor ainda criou duas chances com o próprio Esquerdinha defendidas por Léo Flores, tornando o goleiro o nome da partida. Ainda deu tempo para, aos 47, Lino desperdiçar chance na pequena área e confirmar o empate.

A partida
Tigres do Brasil 1x1 Duque de Caxias - Taça Santos Dumont, 2ª rodada - 23/05/2018 às 15h

Estádio de Los Larios (Duque de Caxias-RJ)
Árbitro: Daniel Wilson Barbosa de Castro
Assistentes: Gilberto Stina Pereira e Flávio Manoel da Silva

Tigres do Brasil: Léo Flores; Gabriel, Léo Fortunato, Allan Miguel e Wesley (Wallace, 34'/2ºT); Chamel, Dudu (Anderson, 13'/2ºT) e Diego Sales; Felipe Araújo (Welinton Gago, 25'/2ºT), Jonathan e Careca. Técnico: Mário Júnior.

Duque de Caxias: Jaime; Oziel, Matheus Avelar, Júlio César Pit e Flavinho; Neves, Sassá e Esquerdinha; Russo (Dudu, 29'/2ºT), Bruninho e Lino. Técnico: Júlio Marinho.

Cartão amarelo: Dudu (TIG)

Gols: Gabriel, 20'/2ºT (1-0); Esquerdinha, 28'/2ºT (1-1)

Público: 100 pagantes (150 presentes)
Renda: R$ 1.750,00

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por