Em 20/09/2017 às 20 h36

Jorge Varela reprova 2017 do Bangu: "Muito triste com tudo que aconteceu"

Presidente é sincero e admite que Alvirrubro deixou a desejar em 2017


Autor: Renan Mafra / Fotos: Gabriel Andrezo e Gabriel Farias

Parecia que 2017 seria mágico para o Bangu, que anunciou grandes contratações no Estadual (sendo Loco Abreu a principal delas) e ainda teria no calendário uma competição nacional, a Série D do Campeonato Brasileiro. No fim das contas, a realidade não correspondeu à expectatica e o ano esteve longe do que o torcedor esperava. Com campanha ruim no Cariocão, o Alvirrubro ficou apenas na 10ª colocação; na Quarta Divisão Nacional, saiu ainda na primeira fase; já na Copa Rio, deu adeus nas nas quartas de final. Sem esconder o que pensa, o presidente Jorge Varela admitiu o sentimento de frustração, decretando a temporada como decepcionante.
 
- Sinceramente, eu fiquei muito triste com tudo que aconteceu. Nossa expectativa era ter ido muito além do que conseguimos. De verdade, não sei explicar o que aconteceu. Até por conta disso, estamos fazendo uma mudança radical pensando no ano que vem. Estamos remontando o clube, trouxemos uma nova comissão técnica para que em 2018 possamos fazer uma campanha melhor do que foi este ano - ressaltou o dirigente.
 
Por conta da 10ª posição no Campeonato Carioca, o Bangu terá uma cota de TV menor do que aquela que esteve disponível em 2017. Com isso o orçamento será mais enxuto, sem espaços para erros, conforme projeta Jorge Varela.
 
- Nosso orçamento será diferente. Não queremos gastar nada além da conta. Tudo será investido dentro do orçamento que traçarmos, onde queremos montar um time mais equilibrado e mais forte. Esse ano buscamos algumas alternativas que não funcionaram, e ficamos em 10º no Estadual. Ano que vem queremos ficar entre os primeiros colocados para conquistarmos a vaga no Campeonato Brasileiro dentro do Carioca - disse.
 
Com o balanço de uma má temporada, o Bangu agiu rápido e contratou Alfredo Sampaio para comandar a equipe no Campeonato Carioca do ano que vem. Jorge Varela explicou os motivos que fizeram apostar num dos técnicos de maior rodagem do Rio de Janeiro.
 
- O primeiro motivo que me fez convidar o Alfredo foi pela competência dele. Partindo disso, existe o lado de amizade e afinidade que ele tem, não só com o clube, como também com todas as pessoas que fazem parte da diretoria. O Alfredo Sampaio é o treinador vivo que mais comandou o Bangu, o terceiro que mais dirigiu a equipe em toda a história. Será a quinta vez que ele vai comandar o time. Além disso, conhece o clube, sabe as limitações que temos e por isso a escolha foi a mais correta - finalizou.
 
Sem ter mais o que disputar em 2017, o Bangu só volta a campo em janeiro, em nova edição do Campeonato Carioca.

image

Tags: Bangu, Jorge Varela

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por