Em 07/06/2017 às 08 h02

Após passagem de faixa para Almir, Jefferson exalta: "É o grande mestre"

Goleiro ressaltou humildade e dedicação do camisa 10 banguense no dia a dia


Autor: Igor Dorilêo / Foto: Emerson Pereira (BAC)

É normal o capitão de uma equipe deixar a faixa com o companheiro quando está sendo substituído, mas a cena vista em Moça Bonita no último domingo (4) não foi tão comum assim. No duelo entre Bangu e Desportiva (ES), o goleiro Jefferson, portador da braçadeira desde o início da partida, resolveu dá-la a Almir quando o camisa 10 banguense entrou em campo na segunda etapa depois de um longo período afastado dos gramados por conta de uma grave lesão. Perguntado sobre a situação, Jefferson rasgou elogios ao colega de clube, deixando claro quem ficará com a condição de líder.

VEJA TAMBÉM:

- O Almir é o grande mestre do nosso time. Ele sim é o maestro do nosso time. Tanto dentro, quanto fora de campo, é um cara equilibrado. Inúmeras conquistas, inúmeros clubes de grande porte na carreira, e ele mantém a humildade dele aqui, é o primeiro a chegar todos os dias, ele é o nosso capitão. Vem de uma lesão que ficou um tempo parado, está podendo retornar graças a Deus, e sempre que puder entrar vai ser o capitão do nosso time - afirmou.

Talvez esse tenha sido o único motivo para o torcedor banguense sorrir em Moça Bonita, tendo em vista que o Alvirrubro perdeu a invencibilidade na Série D do Campeonato Brasileiro, além de desperdiçar uma grande chance de se aproximar da clássificação para a próxima fase. Com gol contra de Hygor, nos acréscimos, o time comandado por Roberto Fernandes acabou saindo derrotado. Falando sobre a partida, o camisa um admitiu que a equipe não foi tão bem, mas quer que o revés sirva de aprendizado.

- Um jogo que o Bangu procurou todo tempo vencer. Nosso time tecnicamente não foi muito bem em relação ao que se esperava, mas foi um time que brigou o jogo todo. Infelizmente saímos derrotados por uma bola espremida ali na frente da área, que nenhum dos dois teve a intenção de chutar ao gol, mas coisas do futebol, acontece. Mas serviu também de atento para a gente, a gente sabe que nossa caminhada ainda vai ser longa na competição. Esse é um grupo que vai chegar, e a gente espera superar essas dificuldades para que a gente não passe por outras derrotas em casa - disse.

Nesta quarta-feira (7), o Bangu enfrenta o Botafogo em jogo-treino no Nilton Santos, em atividade que o técnico deverá utilizar os jogadores considerados reservas. No sábado (10), o Alvirrubro volta a campo pela Série D do Campeonato Brasileiro para encarar a Desportiva Ferroviária (ES), no Estádio Engenheiro Araripe, em Cariacica, às 16h, em confronto que terá cobertura do Placar FutRio.

Tags: Bangu

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por