Em 03/04/2017 às 10 h04

Seletiva, Série D, cotas de TV... as definições do Estadual pós-Taça Rio

Grandes cumprem favoritismo; Madureira e Nova Iguaçu têm motivos para sorrir


Autor: Redação FutRio / Fotos: Divulgação e Gabriel Farias (FutRio)

Segundo turno do Campeonato Carioca, a Taça Rio chegou ao fim no último domingo (2). Junto com seu término vem a maior parte das definições que se aguardavam. Seletiva em 2018, vagas na Série D do Brasileiro no próximo ano, quem vai para as semifinais gerais e de turno, além de quais times terão que se contentar com a disputa do Quadrangular Extra. O FutRio.net apresenta o que está sacramentado no Estadual de regulamento mais confuso dos últimos anos.

Seletiva: Resende e Macaé

Dois últimos colocados na classificação geral, Resende e Macaé terão que jogar a fase preliminar, uma espécie de seletiva do Campeonato Carioca de 2018 junto de mais quatro times - Bonsucesso e Cabofriense, que se livraram do rebaixamento no Grupo X (Campos e Tigres caíram) e os dois participantes que subirem na Série B1, que começa em maio. Na atual edição, Nova Iguaçu e Portuguesa superaram a fase prévia.

Vagas na Série D: Nova Iguaçu e Madureira

Melhor entre os clubes de menor investimento, o Nova Iguaçu já havia garantido vaga na Quarta Divisão nacional na penúltima rodada da Taça Rio, quando bateu o Resende. Junto dos iguaçuanos, o Madureira assegurou seu lugar após bater o Bangu no encerramento do segundo turno. No entanto, conforme o novo ordenamento da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), as vagas são válidas apenas para a temporada seguinte, ou seja, 2018. O terceiro representante do Rio virá da Copa Rio, que acontece no segundo semestre.

Quadrangular Extra: Nova Iguaçu, Lusa, Voltaço e Boavista

Nova Iguaçu x Portuguesa e Volta Redonda x Boavista. Essas serão as semifinais do Quadrangular Extra, torneio de consolação promovido pela Federação de Futebol do Rio de Janeiro (FERJ) entre os terceiro e quarto colocados dos grupos. Na Taça Guanabara, o Nova Iguaçu foi o campeão, embolsando a quantia de R$ 100 mil. Resta saber se a premiação se repetirá, o que pode aumentar a motivação dos envolvidos. A tabela ainda não foi definida.

Semifinais da Taça Rio: quatro grandes, com vantagem para Bota e Vasco

Ao final da Taça Rio, Botafogo e Vasco lideraram os Grupos B e C. Dessa forma, terão a vantagem do empate sobre Fluminense e Flamengo, respectivamente. As semifinais acontecem no próximo fim de semana (dias 8 e 9), ainda sem detalhamento da tabela por parte da FERJ. As decisões, no entanto, de nada valerão, já que o quarteto está assegurado também na semifinal geral. Em jogo, apenas a premiação de R$ 1 milhão, quantia entregue ao vencedor da Taça Rio.

Semifinais gerais: quatro grandes, com vantagem para Fla e Flu

Novidade no regulamento deste ano, as semifinais gerais reunirão os dois melhores times da classificação, além dos campeões de turno. Só que, como os quatro grandes também estão nas semifinais da Taça Rio, o panorama não tem mais como ser alterado. Os duelos ficaram definidos da seguinte forma: Flamengo x Botafogo e Fluminense x Vasco. Ao contrário da fase decisiva da Taça Rio, neste caso o benefício de empate será da dupla Fla-Flu.

Cotas de TV

A classificação geral também tem implicação crucial na parte financeira dos clubes menores, já que é através dela que é definida a divisão das cotas de TV do próximo ano. Nova Iguaçu, Madureira, Volta Redonda e Boavista, que foram os quatro melhores, ficam com a maior fatia, em torno de R$ 4 milhões para cada. Bangu e Portuguesa, na zona intermediária da tabela, vão faturar R$ 2 milhões. Já Resende e Macaé, que participarão da seletiva, ficarão com R$ 800 mil de cada lado.

Tags: Madureira, Nova Iguaçu, Carioca Série A

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por